Rede HOPEM forma jovens do Distrito Ka Mavota em matéria de Masculinidade, Sexualidade e Direitos Sexuais e Reprodutivos

Por: Severino Ngole

“Farei chegar aos homens que compartilho o mesmo espaço, a importância de respeitar os direitos da mulher, participar na vida cotidiana da mulher, introduzir a negociação na relação e respeitando a orientação sexual de qualquer indivíduo”.

Estas palavras foram proferidas por João Cândido Macuácua Júnior participante na formação em matéria de masculinidade, sexualidade, direitos sexuais e reprodutivos  realizada no Distrito Ka Mavota nos dias 17 a 19 de Março onde participaram 27 jovens do sexo masculino membros e simpatizantes da Associação Juvenil Mondlane o Nosso Orgulho (ORJUMO) e a Organização da Juventude Moçambicana (OJM) do Distrito Ka Mavota.

 

 

Esta formação visava proporcionar a este grupo de jovens um espaço para reflectirem e identificarem estratégias viáveis sobre o papel do homem e do rapaz nos direitos sexuais e reprodutivos (DSR) e na saúde primária masculina como forma de promover a igualdade de género e a eliminação da violência baseada no género (VBG).

Durante a sessão sobressaíram aspectos relacionados com algumas crenças que ainda persistem nas comunidades como por exemplo, o homem que se envolve sexualmente com uma mulher que praticou aborto pode perder a vida ” e questões relacionados com desejo sexual.

É importante fortalecer a consciencialização dos homens no sentido de terem maior responsabilidade no desafio das masculinidades, porque para além de serem homens, são pessoas, com deveres, obrigações e direitos por gozarem com responsabilidade bem como permitirem incondicionalmente que as mulheres e raparigas gozem também desses direitos livremente.

 

Esta formação enquadra-se na área de direitos sexuais e reprodutivos da Rede HOPEM cujo objectivo é doptar homens e rapazes de conhecimentos sobre os seus direitos sexuais reprodutivos e das suas parceiras assim como a promoção do uso dos serviços de saúde masculino.